T, Wiki

Para que serve o trigo? Benefícios e propriedades | NutriTienda

sexta, 1 de janeiro de 2010

O trigo (Triticum aestivum ou Triticum vulgare) é um cereal que pertence ao género Triticum. Trata-se da espécie de trigo mais cultivada no mundo, pertence à família das gramíneas; família à que também pertencem cereais como o arroz, o milho, a aveia ou o sorgo.

A parte do trigo destinada ao consumo humano é o grão, cujos componentes principais são a fibra, o amido, a celulose, o glúten, fitosterois (como o beta-sitosterol) e a vitamina E. Cada um destes nutrientes está localizado numa secção diferente do grão:

  • O endosperma ou albúmen é a capa interna do grão de trigo e representa a maior percentagem do mesmo, o 80-90% do peso total. Está composto por amido.
  • Farelo: é a capa que protege o grão de trigo, está formada exclusivamente por fibra e é eliminada quando se refina a farinha.
  • A capa que segue o salvado, mas que também é externa, consta de 3 partes ou capas: a mais externa é o pericarpo, a central é o mesocarpo ou tegumento e a mais interna o epicarpo. Estão compostas principalmente de minerais, proteínas e vitaminas. Esta capa também é eliminada no processo de refinamento da farinha.
  • A capa interna, testa ou tegumento, é a capa intermédia entre as envolturas externas e o endosperma ou albúmen, está composta por óleos e corantes.
  • Germe: encontra-se na parte interior do endosperma; embora contenha também proteínas, enzimas e vitaminas do complexo B, o seu componente principal é o óleo ou gordura.

Devido à importância nutricional dos seus diferentes componentes, o grão de trigo completo ou por partes é um dos alimentos mais consumidos. Emprega-se na fabricação de amido, de farinhas proteicas para diferentes complementos alimentares, como importante ingrediente culinário para padaria, pastelaria, repostaria, para gomas ou o farelo como alimento para a alimentação animal.

Por outra parte, o trigo também pode-se consumir em forma de germinado, pois é rico em minerais e vitaminas como o cálcio, o sódio, o potássio, o flúor e o silício, assim como vitaminas do complexo B, vitamina A, vitamina C, vitamina D e destacando a vitamina E do germe.

Benefícios da sua contribuição

O trigo é amplamente utilizado na alimentação humana devido ao seu elevado valor nutricional.

Os diferentes componentes do grão de trigo, com as suas variadas composições nutricionais, são empregados para cobrir as diferentes necessidades:

  • A farinha contém grande quantidade de hidratos de carbono e tem sido empregada como fonte de energia.
  • O germe de trigo é amplamente utilizado como fonte de vitaminas, contra a arteriosclerose e como hipo-lipemiante. É bom para a dermatite e outras afeções da pele. É essencial para a pituitária, tiroides e glândulas suprarrenais, controlando o crescimento e os órgãos reprodutores. É energético e dá vigor em casos de astenia física e intelectual, tendo também um grande poder afrodisíaco. Também ajuda na esterilidade e deficiência prostática. Devido à sua riqueza em vitamina E é muito recomendo para lutar contra a anemia ou o esgotamento em geral.
  • Farelo de trigo: pelo seu teor elevado em fibra é útil como laxante. De 2 a 3 colheres de sopa de farelo de trigo ao dia, consideram-se as quantidades apropriadas para combater a prisão de ventre.
  • As proteínas de trigo são ricas em glutamina, por isso têm-se utilizado hidrolisados de proteína de trigo como fonte de péptidos de glutamina.

Precauções

O trigo, ao ser um cereal que contém glúten, não pode ser consumido pelos celíacos, além disso, ao ser muito energético não deve-se consumir em excesso, especialmente em dietas de emagrecimento.

Sugerimos também