P, Wiki

O que são polímeros de dextrose? Benefícios e propriedades | NutriTienda

sexta, 1 de janeiro de 2010

Denominam-se polímeros de dextrose às diferentes estruturas formadas pela união de moléculas de dextrose mediante diferentes tipos de ligações.

Os polímeros de dextrose são polissacarídeos de reserva como o amido e o glicogénio, embora na natureza também existam outros polímeros de glicose com função estrutural como a celulose e a quitina. Tanto a função das diferentes estruturas, como o seu índice glicémico vão variar em relação ao número de unidades de glicose unidas e ao tipo de ligação entre ditas moléculas.

  • Amido: a união de duas moléculas de D-glucopiranose (glicose) mediante ligações α-glicosídica dá lugar à maltose e à isomaltose, dissacáridos que são a base dos polissacarídeos amido (reserva energética dos vegetais).
  • Glicogénio: igualmente, a união de duas moléculas de D-glucopiranose mediante lição α-glicosídica dá lugar à maltose e à isomaltose, dissacáridos base dos polissacarídeos glicogénio (reserva energética dos animais e fungos).
  • Celulose: é o constituinte essencial da parede celular das células vegetais. A sua estrutura consta de duas moléculas de glicose, unem-se mediante uma ligação ß-glicosídica onde reagem os -OH dos seus carbonos 1 e 4, respetivamente, formando o dissacárido celobiose. A união de várias celobioses, conforma a celulose.
  • Quitina: é o componente do exoesqueleto dos artrópodos. É um derivado nitrogenado da dextrose, a N-acetil glucosamina, também na sua forma cíclica ß-D-glucopiranose, forma o dissacarídeo quitobiose, cuja repetição dá lugar à quitina.

Nos alimentos ou complementos alimentares, quando fazem referência a polímeros de glicose ou dextrose, referem-se a polímeros procedentes do amido e a sua função principal é atuar como fonte de energia.

Sugerimos também