L, Wiki

Para que serve linho lignanas? Benefícios e propriedades | NutriTienda

sexta, 1 de janeiro de 2010

As ligninas são componentes presentes na maioria das plantas ricas em fibra, mas são as sementes de linho a melhor fonte desta substância. As ligninas só estão presentes dentro das sementes de linho, não no óleo.

As ligninas de linho são químicos naturais presentes dentro da matriz das sementes de linho e consideradas hormonas das plantas. Quando as bactérias no trato digestivo atuam sobre as ligninas estas se convertem em poderosas substâncias semelhantes às hormonas, conhecidas como compostos fitoestrogénicos. Os fitoestrogénios são químicos das plantas que mimetizam a hormona estrogénio, ajudando a substituir os estrogénios que o organismo deixou de fabricar em etapas como a menopausa.

As ligninas são fitoquímicos que as bactérias do intestino humano convertem em outras ligninas, enterodiol e enterolactona, com efeitos parecidos ao estrogénio e que são poderosos anticancerígenos. De acordo com as investigações científicas, as ligninas lutam contra os químicos causadores de tumores cancerosos e bloqueiam aos recetores de estrogénio, o qual poderia reduzir o risco de cancro do cólon, do pulmão, da próstata, da mama.

Podemos resumir dizendo que se há pouco estrogénio no corpo, por exemplo, depois da menopausa, as ligninas podem atuar como estrogénio débeis, mas quando se dispõe de abundantes proporções de estrogénio natural no organismo, as ligninas podem em seu lugar reduzir os efeitos do estrogénio ao deslocá-los das células. Este deslocamento pode ajudar a prevenir diferentes tipos de cancro, como o cancro da mama, de isto vai depender que o estrogénio inicie e se desenvolva. Além disso, existe um estudo de laboratório que sugere que as ligninas podem ajudar a prevenir o cancro de forma independente aos estrogénios.

As ligninas são as fontes vegetais mais ricas em estrogénios débeis, convertendo aos alimentos ricos em ligninas em superalimentos.

As ligninas são os únicos alimentos que bloqueiam o caminho do estrogénio e têm um efeito estimulante sobre este. O linho também parece reduzir o estrogénio das células gordas, limitar o efeito de estímulo do estrogénio, prolongar o período menstrual e aumentar o número de transportadores de estrogénio.

Podemos resumir dizendo que devido à combinação de um estrogénio débil com um ácido gordo omega-3, o linho produz um bloqueio no caminho do estrogénio e tem um efeito estimulador sobre este.

Por outro lado, as ligninas parecem melhorar a função renal em certos tipos de doenças renais, principalmente nefrite por lúpus e doenças renais poliquísticas.

As ligninas, embora em menor quantidade, podem também ser encontradas noutros alimentos como as sementes de abóbora, grãos inteiros, mirtilos e o chá preto ou verde.

Dosagem

Em diferentes estudos realizados com o linho como fonte de ligninas, recomendou-se a ingestão de linho em doses de 5 a 38 g ao dia.

Outra informação

Se desejas saber mais acerca das propriedades e funções das ligninas de linho, convidamos-te a visitar a página do linho.

Sugerimos também