A nova fonte de proteínas…os insetos?

Nas últimas semanas, tornou-se muito na moda comer insetos no nosso país, e nas redes sociais têm sido um tema muito discutido. A entomofagia, o consumo de insetos como alimento, é praticada principalmente em regiões tropicais da América e Ásia, mas devemos fazer o mesmo? Hoje analisamos esse “alimento” para descobrir as vantagens e desvantagens do seu consumo, por isso não fiques sem lê-lo!

Imagen relacionadaFonte de proteínas

O nutriente de maior interesse para os insetos comestíveis são as proteínas de alto valor biológico e compostas de aminoácidos essenciais como a lisina, a treonina e a metionina. Além disso, destaca a sua alta digestibilidade!

100 gramas de lagartas secas contém cerca de 53 gramas de proteínas!

Imagen relacionadaOutros nutrientes

Se analisarmos a sua gordura, observamos que esta não é muito alta, fornecendo ácidos gordos interessantes, como o ómega 3 e 6. Além disso, os insetos comestíveis podem ser uma fonte muito importante de fibra.
Por outro lado, altos conteúdos de minerais como o ferro e zinco foram encontrados em certas espécies de insetos; bem como vitaminas do grupo B.

Sabias que a quitina, um componente de exoesqueleto de alguns insetos, poderia ajudar a fortalecer o sistema imune e promover o desenvolvimento da microbiota intestinal?

Imagen relacionadaEconomia para o bolso e o meio ambiente

Além de nutritivo, o consumo de insetos significa uma alternativa económica ao consumo de carne, já que a sua produção é mais eficiente:

  • Economizaria em recursos energéticos porque o consumo de água é menor.
  • A sua produção implica a emissão de 99% menos de gases de efeito estufa.
  • Podem se alimentar de resíduos orgânicos como de resíduos de origem humana ou alimentar..

Sabias que no mundo se comem mais de 1.900 espécies de insetos?

Imagen relacionadaExistem perigos?

Não há casos conhecidos de transmissão de doenças ou parasitas a seres humanos derivados do consumo de insetos, desde que tenham sido manuseados nas mesmas condições de higiene que qualquer outro alimento.
Então, por que não os comemos? Em geral, os insetos comestíveis inspiram desconfiança, medo ou até nojo, mas não comemos caracóis, carne de cavalo ou ouriços-do-mar? Tudo depende de uma questão cultural ou psicológica!

Possivelmente, essa perceção mude em poucos anos e, assim, podemos nos beneficiar dessa fonte de proteína, ao mesmo tempo, em que cuidamos do meio ambiente. E tu, atreves-te a prová-los?

849 Visitas 0 Comentarios Me gusta
Si te ha gustado, ¡compártelo!

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado.

Informações básicas sobre proteção de dados Responsável: Nutritienda Healthcare & Beauty, S.L. Objetivo: os principais objetivos do processamento de seus dados pessoais são: - Envio de comunicações comerciais e promocionais. - Gestão da relação contratual com você (venda de produtos comercializados pela NutriTienda). - Desenvolvimento de perfis de usuários. Legitimação: tratamos os seus dados pessoais com base em: - Seu consentimento (para o envio de comunicações comerciais). - A execução do contrato assinado com você na venda de produtos comercializados pela NutriTienda. - Interesse legítimo da Nutritienda Healthcare & Beauty, S.L. ou de terceiros. Destinatários: os dados pessoais serão comunicados ao nosso sistema e podem ser compartilhados com terceiros para processamento. Direitos: você tem o direito de acessar, retificar e excluir os dados, bem como outros direitos, conforme explicamos nas informações adicionais. Informações Adicionais: você pode consultar as informações adicionais e detalhadas sobre Proteção de Dados em nossos. Política de privacidade. Se você tiver alguma dúvida sobre a forma como tratamos e usamos seus dados pessoais ou se deseja exercer seus direitos, entre em contato conosco pelo e-mail ayuda@nutritienda.com.

Scroll to Top