L, Wiki

Para que serve ornitina alfa-cetoglutarato? Benefícios e propriedades | NutriTienda

sexta, 1 de janeiro de 2010

A ornitina alfa-cetoglutarato ou OKG é um derivado da ornitina, mas apresenta maior atividade. A ornitina é um aminoácido que intervém no ciclo da ureia e a molécula de α-cetoglutarato é o esqueleto carbonado do aminoácido glutamato.

Uma molécula de ornitina alfa-cetoglutarato contém duas moléculas de ornitina e uma molécula de α-cetoglutarato.

Na década dos 60, os médicos descobriram o poder da ornitina alfa-cetoglutarato quando buscavam uma forma de reduzir o amoníaco no sangue de pacientes em coma, e descobriram que o estado nutricional e o perfil de aminoácidos destes pacientes haviam melhorado significativamente.

As propriedades anabólicas da ornitina devem-se à sua capacidade de aumentar a síntese da insulina e da hormona do crescimento. Reduz os marcadores de degradação muscular e aumenta a disponibilidade de aminoácidos para a síntese de proteínas (aumenta a síntese de glutamina, arginina, prolina, poliaminas e cetoácidos).

Benefícios da sua contribuição

A suplementação com OKG produz um efeito maior (sinérgico) se forem administrados os seus dois componentes sem combinar, inclusive suplementadas nas mesmas quantidades.

A ornitina α-cetoglutarato se utiliza como ajuda ergogénica para o aumento da força e desenvolvimento da massa muscular. A ornitina alfa-cetoglutarato acelera a recuperação muscular aumentando os níveis de glutamina, também aumenta a síntese de arginina que estimula a secreção de hormonas anabólicas e a síntese de óxido nítrico.

A OKG apresenta características anabólicas e anticatabólicas em pessoas saudáveis e em aquelas que tenham sofrido algum tipo de trauma como cirurgias ou queimaduras. A ornitina alfa-cetoglutarato favorece a cicatrização, aumenta a síntese de óxido nítrico e a sua administração melhora o estado nutricional de pessoas com desnutrição crónica como idosos ou pessoas com stress metabólico. Por esta razão, é um ingrediente utilizado em fórmulas nutricionais.

Devido ao seu poder anticabólico, a OKG tem sido empregada na nutrição clínica para tratar a pacientes queimados, com infeções, com grandes traumas, cirurgias, má-nutrição…

Dosagem

A ornitina α-cetoglutarato é efetiva em doses de 5 a 10 gramas ao dia. Podem ser necessárias doses superiores em função das necessidades, inclusive chegou-se a empregar doses de 30 gramas ao dia em pacientes queimados.

Precauções

Não existem dados sobre efeitos secundários com doses moderadas.

Também não há dados suficientes sobre o seu consumo durante a gravidez e período de amamentação, sendo assim, desaconselha-se o consumo de ornitina alfa-cetoglutarato durante estes estados fisiológicos. Não foram descritas interações com alimentos, medicamentos ou outros nutrientes.

Sugerimos também