L, Wiki

Para que serve L-Citrulina Malato? Benefícios e propriedades | NutriTienda

sexta, 1 de janeiro de 2010

A citrulina malato é uma combinação entre citrulina e ácido málico, e é a forma de citrulina que aparece normalmente nos suplementos alimentares.

A citrulina é um aminoácido não essencial implicado no mecanismos de eliminação de substâncias nitrogenadas, como o amónio. Também aumenta os níveis de arginina, aminoácido precursor do óxido nítrico.

O malato está envolvido na conversão de fumarato à oxalacetato no ciclo de Krebs. Na dose adequada o malato limita a produção de lactato.

A combinação de citrulina e ácido málico oferece melhores vantagens em relação à citrulina isolada, já que o malato também tem mecanismos que ajudariam a aumentar a resistência.

Benefícios da sua contribuição

Durante a atividade física gera-se amónio e lactato, e a sua acumulação supõe um fator determinante para o surgimento da fatiga. A citrulina malato pode aumentar a resistência muscular graças à maior eliminação do amónio e a uma menor acumulação de lactato.

A citrulina malato é útil para o desenvolvimento da massa muscular e da força. Também observou-se que acelera a recuperação entre esforços intensos continuados e reduz a dor muscular posterior ao exercício. Conforme alguns estudos, melhora o rendimento favorecendo a produção de energia, reduz a fatiga, melhora o rendimento em desportos de resistência, promove a saúde cardiovascular, o sistema imunológico e até poderia ser eficaz contra a disfunção erétil.

Dosagem

As doses habituais de citrulina giram entorno aos 6-18 gramas ao dia, mas os melhores resultados obtiveram-se com doses de 12 a 18 gramas ao dia.

Precauções

A citrulina malato é bem tolerada, não é tóxica inclusive em doses elevadas e durante longos períodos de suplementação.

Outra informação

Se queres saber mais sobre os efeitos e benefícios relacionados com a citrulina malato, convidamos-te a visitar a página da citrulina.

Sugerimos também