Se és um comprador regular de suplementos para acompanhar o teu estilo de vida saudável, provavelmente já conheces muitos dos que já te apresentamos neste blog, mas talvez o Inositol  não seja um habitual da tua lista de compras.📝💊

Pois bem, toma nota porque isto pode interessar-te: esta substância é essencial para o funcionamento correto do organismo e, de fato, podemos encontrá-la tanto no nosso próprio organismo como na natureza, por isso incluí-la através da alimentação é possível.🍊🥝

O que é o inositol?

O Inositol é uma substância praticamente presente na maior parte das células, forma parte dos tecidos corporais. Pode ser apresentado como um hidrato de carbono simples, com estrutura cíclica, mas também talvez tenhas ouvido falar de ser definido como uma pseudovitamina (vitamina B) porque realmente não é uma vitamina.

O nosso organismo é capaz de sintetizar Inositol em quantidades adequadas a partir da glicose e como já te mencionamos antes, também se pode obter a partir da alimentação. Encontrámos-lo, sobretudo, nos cereais de grãos inteiros, no feijão e nos cítricos como as uvas, tangerinas ou kiwis e, em menor conteúdo, nos alimentos de origem animal como o leite de vaca.🍊🥝🥛🍼

Mas não é a única forma de o obter: outra opção é utilizar suplementos ou complementos alimentares de inositol para acompanhar e enriquecer um estilo de vida saudável e uma alimentação variada e equilibrada.

Na natureza podemos encontrar até 9 formas distintas de inositol, dentro das quais se destaca o Mioinositol por ser o mais abundante e estável. Talvez esse nome te seja mais familiar, visto que é a forma mais utilizada na elaboração de complementos alimentares, um isómero muito apreciado por mulheres com SOP (síndrome de ovários policísticos) e por desportistas.⛹‍♀⛹‍♀.

                                                   

 

Recomendación de producto.
INOSITOL 500 MG 100 VCAPS da Now Foods

 

Para que serve o Inositol?

As funções que o Inositol desempenha dentro do nosso organismo faz com que queiramos considerá-lo como suplemento nutricional.💊O seu papel estrutural nas membranas que recobrem as nossas células, a sua intervenção na regulação do sistema nervioso central ou sobre o metabolismo das gorduras são algumas das características que torna especialmente interesante a sua investigação como suplemento alimentar. Nesta tabela repassamos as suas propriedades:

Sistema nervoso: fundamental para a transmissão do impulso nervoso e na síntese de neurotransmissores. Desta característica surgiram estudos relacionados com a ingestão adequada de inositol e a diminuição de patologias relacionadas com o sistema nervoso central (estados de espírito baixos, insónia, etc.).
Metabolismo das gorduras: regula o metabolismo lipídico evitando a acumulação de gorduras, tanto no fígado como no tecido adiposo. Alguns estudos indicam que ajuda a reduzir a acumulação de gordura (LDL) e, juntamente com a colina, pode reduzir o colesterol no sangue.
Regulação da resposta à glicose: algumas pessoas que apresentam anomalias no metabolismo do inositol têm tendência a sofrer problemas relacionados com a resistência à insulina. Foi estudado um possível efeito benéfico da administração dietética de inositol em doenças relacionadas com a resistência à insulina como o síndrome do ovário policístico, diabetes mellitus gestacional ou síndrome metabólico.
   

Se és desportista, alguns destes benefícios podem ajudar-te a conseguir todos os teus objetivos.💪💪

Mioinositol em pacientes com SOP

Antes de falar dos possíveis benefícios do Mioinositol nas mulheres, devemos entrar no contexto e conhecer o SOP ou Síndrome de Ovário Policítisco, um transtorno endocrino cada vez mais comum e, por desgraça, algo desconhecido ainda. Associa-se, pela sua maior prevalência, às mulheres que sofrem obesidade, hiperandrogenismo, disfunção ovulatória e irregularidade menstrual. Para diagnosticá-lo foram estabelecidos os critérios de Rotterdam:💊👩‍🦰🌸

  1. Oligomenorreia ou amenorreia ou o que é o mesmo, uma alteração menstrual que fica condicionada por uma diminuição ou até mesmo ausência de menstruação, uma ovulação anormal.
  2. Síntomas clínicos ou bioquímicos de hiperandrogenismo.
  3. Uma imagem na ecografia em que se identifica a presença de entre 10-12 quistos ou um aumento de tamanho dos ovários superior a um volume determinado.

Portanto, afeta muitas mulheres em idade reprodutiva sendo, também, uma das causas mais comuns da infertilidade. Alguns dos sintomas que podem apresentar estas mulheres que sofrem SOP são: o aparecimento de acne, hirsutismo, obesidade, risco cardiovascular e os sintomas associados ao síndrome pré-menstrual como ansiedade e alterações de humor. 💁‍♀️💜🚺 

Porque se relaciona o inositol com o SOP?

Uma das características desta patologia que se associa com os sinais clínicos típicos e os transtornos hormonais do SOP, sobretudo em mulheres que têm sobrepeso ou obesidade, é que apresentam uma anomalía na sinalização da insulina.🍦🍨

Na verdade, a resistência à insulina com a hiperinsulinémia afeta aproximadamente a 40-50% das pacientes com SOP, tanto magras como obesas. Além disso, foi demonstrado que o tratamento do SOP com fármacos sensibilizantes à insulina melhora muitos dos síntomas, o que confirma o vínculo crítico entre a resistência à insulina e este transtorno endocrino feminino.

 

Recomendación de producto.
MYO-INOSITOL EM PÓ 100% NATURAL 200G da Lamberts

🚺 💡 A importância do inositol em muitas funções do organismo, como na regulação de resposta à glicose, fizeram com que múltiplos estudos avaliam os efeitos benéficos da administração do Myoinositol em mulheres com SOP encontrando que:

  1. Ajuda a diminuir e melhorar a resistência à insulina.
  2. Ajuda a reduzir a ansiedade e stress.
  3. Aumento da fertilidade.
  4. Diminuição de hormonas andrógenas o que implica na diminuição de hirsutismo e acne.
  5. A administração oral de Myoinositol, sozinha ou combinada com D-chiro-Inositol, é capaz de regular a ovulação expontânea e melhorar a fertilidade.

BIBLIOGRFÍA

  1. Unfer, V., Nestler, JE, Kamenov, ZA, Prapas, N. y Facchinetti, F. (2016). Efectos de los inositol (s) en mujeres con SOP: una revisión sistemática de ensayos controlados aleatorios. Revista internacional de endocrinología , 2016 , 1849162. https://doi.org/10.1155/2016/1849162
  2. Showell, M. G., Mackenzie-Proctor, R., Jordan, V., Hodgson, R., & Farquhar, C. (2018). Inositol for subfertile women with polycystic ovary syndrome. The Cochrane database of systematic reviews12(12), CD012378. https://doi.org/10.1002/14651858.CD012378.pub2
  3. Gateva, A., Unfer, V., & Kamenov, Z. (2018). The use of inositol(s) isomers in the management of polycystic ovary syndrome: a comprehensive review. Gynecological endocrinology : the official journal of the International Society of Gynecological Endocrinology34(7), 545–550. https://doi.org/10.1080/09513590.2017.1421632
  4. Facchinetti, F., Unfer, V., Dewailly, D., Kamenov, Z. A., Diamanti-Kandarakis, E., Laganà, A. S., Nestler, J. E., Soulage, C. O., & Group of ‘Inositol in PCOS and Reproduction’ (2020). Inositols in Polycystic Ovary Syndrome: An Overview on the Advances. Trends in endocrinology and metabolism: TEM31(6), 435–447. https://doi.org/10.1016/j.tem.2020.02.002
     


    O inositol pode tornar-se num suplemento seguro e eficaz para aquelas mulheres que sofrem o SOP. Uma nova forma de suplementação feminina.

Sugerimos também

Deixa um comentário