G, Wiki

Para que serve Guar Gum? Benefícios e propriedades | NutriTienda

sexta, 1 de janeiro de 2010

A goma guar é um polissacarídeo hidrocoloidal de alto peso molecular composto de galactose e manose em proporção 2:1. Procede da semente da planta leguminosa Cyamaposis tetragtonolubus, que cresce em zonas áridas da Índia e Paquistão. É utilizado na indústria alimentar para espessar e estabilizar alimentos, melhorar a retenção de humidade e também pelo seu alto conteúdo em fibra. Não é tóxico e pode ser misturado com outras gomas solúveis conhecidas.

Goma guar está autorizada na União Europeia como aditivo alimentar onde aparece na lista de emulsionantes/estabilizadores como E-412 e é utilizado principalmente como emulsionante, estabilizador e espessante. 

É estável ao pH, a sua consistência não é consideravelmente afetada inclusive até níveis de pH muito baixos, podendo ser usado em produtos ácidos e normalmente aparece em molhos, temperos, alimentos congelados, lácteos e produtos de padaria.

Em ocasiões o que se utiliza é uma goma guar com uma despolimerização parcial, para melhorar o controlo da viscosidade e as características do fluxo em alimentos onde é muito importante o controlo reológico durante o processamento.

Benefícios da sua contribuição

É um polissacarídeo não digerível, sendo considera como fibra alimentar solúvel, como todas as fibras alimentares, favorece o trânsito intestinal. Possui a capacidade de captar a água, incha e expande-se no intestino, produzindo sensação de saciedade.

A fibra atrasa a absorção dos hidratos de carbono, reduzindo assim o índice glicémico dos alimentos e moderando a resposta insulínica depois de ingerir alimentos com carboidratos, ajudando na prevenção e tratamento de Diabetes mellitus. Além disso, também evita a absorção de lípidos, melhora o perfil bioquímico sérico e reduz os níveis de colesterol no sangue.

Por ultimo, tem também um papel que melhora os casos de diarreia ao absorver o excesso de líquidos.

Precauções

A goma guar não é digerível e o seu consumo em excesso pode causar flatulência, naúseas e diarreia.

Sugerimos também