Cafeína, sabes quanta consumir?

quinta, 21 de janeiro de 2016

A cafeína é um alcaloide natural presente em diferentes partes de vegetais comestíveis como por exemplo nas sementes de café, cacau, folhas do chá ou erva-mate.

Esta substância é consumida em todo o mundo, sobretudo através de bebidas como o café ou infusões como o chá. Além de estar presente nestas bebidas, podemos consumi-la também através de bebidas energéticas.

Cafeína: qual a dose segura?

Cafeína A EFSA (Autoridade Europeia para a Segurança Alimentar) considera segura a quantidade de 400 mg de cafeína por dia para um adulto, proveniente de todas as suas fontes, embora recomenda não ultrapassar os 300 mg. Doses individuais de até 200 mg são seguras, inclusive se forem consumidas menos de duas horas antes da realização de um exercício físico intenso. A partir de 75 mg, os seus efeitos começam a ser notáveis tais como aumento da concentração mental, da memória e da capacidade de aprendizagem.  Porém, a EFSA calcula que na Europa se consome cerca de 200 mg por dia, principalmente provenientes do café. O teor de cafeína que contém uma bebida energética, como o Red Bull, oscila entre os 80 mg por 250 ml, em média uma chávena de café contém uns 95 mg de cafeína e bebidas como o chá contêm cerca de 40/50 mg de cafeína por chávena.

Como atua a cafeína?

Compete com recetores com a adenosina (substância que inibe o sistema nervoso, importante para regular o sono) que provoca sensação de cansaço, sedação e relaxamento. A cafeína ocupa os lugares onde se adere a adenosina e impede assim a sua ação, exercendo o efeito contrário:

– Estimula o sistema nervoso central: após ser absorvida no estômago, passa à corrente sanguínea e chega rapidamente ao cérebro. Uma vez aí, aumenta a capacidade de esforço intelectual, reduz a sensação de cansaço e fatiga, mantém a capacidade de vigília e estimula a libertação de dopamina.

– A nível muscular: produz vasodilatação, aumenta a contratilidade e diminui o cansaço e a fatiga muscular.

– Aumenta a secreção de endorfinas: contribuindo para reduzir a sensação de dor durante o exercício e aumentando a capacidade de esforço.

Benefícios do seu consumo.

Cafeína

A cafeína consumida com moderação, pode oferecer diversos benefícios, tais como: 

– Melhorar o rendimento físico e a capacidade de treino. A cafeína antes do exercício físico aumenta a força, a capacidade de trabalho, melhora a velocidade e retarda o aparecimento da fatiga.

– Termogenese e perda de peso. O consumo de cafeína promove a lipólise (queima de gorduras), aumenta o gasto energético e favorece a perda de peso.

– Rendimento cognitivo. Aumenta o estado de alerta, a concentração e diminui a sensação de sono.

Contudo, o consumo moderado de cafeína através de bebidas como o café ou o chá, não apresenta efeitos adversos à saúde. Além disso, estas bebidas contêm substâncias antioxidantes que protegem o corpo contra os efeitos dos radicais livres e retardam o envelhecimento celular precoce.

E tu, quanta cafeína é que consomes por dia?

 

Firma portugués

Sugerimos também

Deixa um comentário