A, Wiki

O que são derivados de ácidos aminados de proteína de carne? Benefícios e propriedades | NutriTienda

sexta, 1 de janeiro de 2010

A carne é uma excelente fonte de proteína, as proteínas de carne são consideradas uma fonte muito completa de aminoácidos e têm um valor biológico muito alto. 

As proteínas são substâncias nitrogenadas que estão formadas por aminoácidos, elas representam o componente estrutural dos músculos e dos tecidos do corpo. Servem também para múltiplas funções no organismo como a produção de hormonas, enzimas ou hemoglobina.

Existem 20 tipos de aminoácidos diferentes, dos quais 8 são essenciais, ou seja, não podem ser sintetizados pelo organismo humano e devem ser obtidos através da alimentação. A proteína de carne caracteriza-se pelo seu bom teor de todos eles, tanto essenciais como não essenciais, e não tem limitações do conteúdo de nenhum deles, sendo assim considerada uma proteína de grande qualidade.

A proteína de carne também tem uma digestibilidade alta, obteve uma pontuação de 0,92 num comparador de digestibilidade corrigido de diferentes proteínas (PDCAAS), onde o valor máximo de digestibilidade que se dá a um alimento é de 1.

A proteína de vaca em pó, que se utiliza como suplemento, é elaborada a partir de produtos cárneos de vaca, principalmente de albumina e tecido conjuntivo. O aminograma é variável em função das proporções de cada parte utilizada para obter a proteína. 

O aminograma da proteína em pó elaborada a partir de tecido conjuntivo seria o seguinte:

Aminoácido

% em peso na proteína

Alanina

7,2

Arginina

6,8

Aspartato

9,6

Cisteína + Metionina

3,5

Glutamato

14

Glicina

18,4

Histidina

1,4

Isoleucina

2,6

Leucina

4,5

Lisina

4,5

Fenilalanina

2,5

Prolina

8,8

Serina

3,9

Treonina

2,8

Triptófano

0,4

Tirosina

1,5

Valina

3,6

Hidroxiprolina

8.3

Hidroxilisina

0,6

O teor de prolina e hidroxiprolina no aminograma desta parte da vaca é mais alto que em outras partes, estes aminoácidos são adequados para manter e reparar o tecido ósseo, embora não tenham demasiado interesse na recuperação muscular. Também há outras partes da carne de vaca que são mais ricas do que o colagénio em aminoácidos essenciais como a metionina ou o triptófano.

Outra parte que se utiliza para a elaboração de proteína de vaca em pó é a albumina, cada proteína de albumina sérica bovina (BSA) contém uns 585 aminoácidos e é uma proteína bastante digerível.

Benefícios da sua contribuição

A carne de vaca é uma opção para consumir proteínas de qualidade e ajudar a manter um equilíbrio positivo de nitrogénio em pessoas que querem manter ou aumentar a sua massa muscular.

A proteína da carne, ao conter todos os aminoácidos necessários para a síntese proteica, quando consumida após o exercício físico de resistência, ajuda a promover a síntese proteica, favorecendo a reparação dos tecidos e o aumento da massa muscular.

Os aminoácidos derivados da proteína de carne, presentes nos suplementos de carne de vaca em pó, podem ser uma alternativa a outros tipos de proteínas para as pessoas que por motivos de saúde devem evitar as proteínas lácteas, como por exemplo as pessoas alérgicas à proteína de leite ou com intolerâncias.

Outra informação

Também pode ser útil a ficha dos Péptidos hidrolisados derivados da carne

Sugerimos também