A, Wiki

Para que serve o óleo de soja? Benefícios e propriedades | NutriTienda

sexta, 1 de janeiro de 2010

O óleo de soja é extraído das sementes da soja (Glycine max), uma leguminosa de origem asiática. O conteúdo de óleo da semente pode variar entre 15 e 23% dependendo da variedade da soja. Uma vez extraído o óleo, este é submetido a um processo de refinação que dá lugar a um óleo de cor amarelo claro e de sabor bastante suave.

O óleo de soja tem uma ótima proporção de ácidos gordos insaturados, pelo qual resulta muito interessante desde o ponto de vista nutricional. O teor médio de ácidos gordos insaturados do óleo de soja é:

8% Ácido alfa linolénico (omega 3).

21% Ácido oleico.

55% Ácido linoleico (omega 6).

O teor de ácido alfa linolénico e de ácido linoleico pode variar ligeiramente, já que a modificação genética da soja é muito comum, não sendo de estranhar encontrar óleos com variações na sua composição.

O óleo de soja é um dos óleos vegetais mais utilizados a nível mundial, sendo utilizado para cozinhar, cru em saladas e também para elaborar margarinas e shortenings vegetais.

Benefícios da sua contribuição

Sistema cardiovascular.

O conteúdo de ácidos gordos saturados do óleo de soja é baixo e não contém colesterol, além disso, apresenta uma percentagem bastante alta de ácido alfa linolénico (omega 3) e ácido linoleico (omega 6), que nas quantidades adequadas, demonstraram ser benéficos para a saúde do sistema cardiovascular.

Diversos estudos mostram que, o consumo de ácido alfa linoléico poderia estar associado com uma redução do risco de sofrer doenças coronária, devido ao seu efeito protetor dos omega 3 sobre o endotélio e o seu poder anti-iflamatório. Além disso, os omega 3 ajudam a melhorar o perfil lipídico sanguíneo, reduzindo os níveis de triglicéridos no plasma sanguíneo e em ocasiões, o colesterol total.

Por outro lado, o ácido linolénico poderia contribuir para prevenir o risco cardiovascular, visto que parece ter um efeito protetor frente à hipertensão.

Por último, os esteróis vegetais que se obtêm do óleo de soja, parecem ajudar a diminuir os níveis de colesterol total e colesterol LDL. Isto deve-se a que os esteróis têm uma estrutura similar ao colesterol, competindo para a sua absorção e, por tanto, ajudando a diminuir os níveis de colesterol no sangue.

Osteoartrite.

A suplementação com uma mistura da fração insaponificável do óleo de soja com óleo de abacate, mostrou melhorias no tratamento da osteoartrite, pelos vistos parece que produz um efeito anti-inflamatório e estimula a síntese de proteoglicano nos condrócitos, que inibe a degradação da cartilagem e promove a sua reparação. Parece funcionar especialmente nos casos de osteoartrite de joelho e da anca, embora sejam necessários mais estudos para confirmar estes efeitos.

Aplicações

O óleo de soja é comestível e muito utilizado na alimentação, proporciona palatabilidade e sabor agradável aos alimentos.

Precauções

Devido ao seu alto teor de ácidos gordos polinsaturados, tem rápida tendência ao desagradável gosto a ranço, porém, aconselha-se manter em local seco e fresco, longe de qualquer fonte de luz e calor para evitar dentro do possível mau cheiro e sabores desagradável.

Sugerimos também