7 tipos de animais adequados para viver num apartamento

segunda, 16 de dezembro de 2019

Queres um animal de estimação e não sabes qual o melhor para ti?

Se tomaste a decisão de ter um animal de estimação, pode ser um pouco difícil decidir qual é o adequado. Talvez, inclusive, te deixes levar pelas emoções e queiras esse grande mastin que não tiveste na infância. Mas, espera! Antes deves pensar bem. Cada animal de estimação tem necessidades que deves ter a certeza de que as podes satisfazer antes de adotá-lo.

De facto, há muitos aspetos a considerar antes de escolheres o animal que queres e um dos mais importantes é saber se aquele que queres é adequado para viver na tua casa. Segundo o tipo de casa que tiveres, a convivência com um ou outro animal será mais complicada. Neste artigo, vamos dar-te o nome de alguns animais de estimação que são aptos para viver num apartamento pequeno. Porque se o espaço não é suficiente, deves procurar um animal que seja feliz em espaços reduzidos. Vamos descobri-lo!

 

 

Opção 1. Peixes. Os peixes são dos animais mais procurados para ter num apartamento. E pode-se adicionar um extra: um aquário no teu lar proporciona um toque exclusivo e relaxante, um refúgio para ti e para os teus companheiros aquáticos de casa. Estes animais aquáticos não requerem muito a atenção das pessoas. Costumam interagir entre eles e o seu estilo de vida é completamente independente: eles sozinhos procuram e encontram a forma de se entreterem, por isso não haverá muita inversão de tempo pela tua parte (podes relaxar-te observando-lhes no seu habitat). Além disso, poderás sair de casa sem te preocupares demasiado pelo teu animal de estimação, já que somente ao comerem uma vez por dia são felizes.

Mas, embora o cuidado dos peixes seja muito simples, existem muitas variáveis que terás que ter em conta para dar-lhes o melhor espaço. Para começar, deves escolher entre peixes tropicais ou de água doce (estes últimos são os melhores para principiantes), depois o aquário perfeito para albergá-los. Para teres uma ideia: se o teu peixe mede 2,5cm irá necessitar, pelo menos, 4,5L de água e, fazendo contas, 10 peixes desse tamanho irão necessitar 45L. Um aquário de 30L, não servirá aqui, uma vez que objetivo é que possam nadar livremente. Também deves escolher bem o sítio do aquário: evita zonas com muito trânsito e ruído para não stressá-los. E, atenção à temperatura e ao filtro de água, deves criar um espaço ideal para os teus animais de estimação!

 

Opção 2. Gatos. Os gatos costumam adaptar-se bem a tamanhos reduzidos. Não é necessário passeá-los já que fazem as suas necessidades numa caixa de areia e podem adaptar-se a um estilo de vida completamente interior. Usam o espaço vertical, pelo que um apartamento pequeno para eles não será um problema sempre que tenham “entretenimentos” em altura, como castelos e brinquedos que fomentem o seu instinto de caça.

Além disso, costumam ser animais muito independentes e tranquilos e o seu tamanho não é muito grande, por isso tudo são vantagens! De fato, gostam tanto de espaços reduzidos que mais que uma vez irás encontrá-lo dentro de uma caixa ou do espaço mais pequeno que encontre…

 

Opção 3. Roedores. Animais como o hamster, o porquinho-da-índia e o coelho são alguns dos roedores que poderás adaptar perfeitamente para viver num apartamento. Têm uma tamanho muito reduzido e, também, grande parte do tempo costumam passá-lo na gaiola. São animais muito sociais e ao mesmo tempo muito independentes, dicotomias maravilhosas 🙂

No entanto, não devemos descuidar da higiene da sua gaiola, algo básico para evitar doenças. Neste sentido, também deves prestar especial atenção à escovagem e à hora do banho. Um roedor limpo será um roedor saudável e feliz! E como extra: coloca na sua gaiola brinquedos e utensílios para se entreter.

 

Opção 4. Furões. O furão é um animal que desprende grande energia e vitalidade. Além disso, é um excelente animal de companhia já que tem um caráter muito sociável e brincalhão. Adorará de partilhar momentos de brincadeira contigo! Além disso, são muito inteligentes: podem aprender a responder ao chamamento do dono e chegar a passear de trela.

Quanto à estadia podes escolher entre comprar uma gaiola adaptada às suas necessidades e tamanho ou deixá-lo vaguear pela casa. O resto dos cuidados são muito básicos: higiene e alimentação específica.

Outra vantagem é o seu tamanho: é pequeno, por isso num apartamento não terá problemas em adaptar-se e em breve o transformará na sua nova casa. O que deves de respeitar são as horas de sono do teu companheiro de casa, e mais, verás que passa o dia a dormir: pode dormir até 18 horas por dia. E o mais divertido é que costumam dormir com a lingua de fora, vais adorar ver como ele sonha!

 

Opção 5. Aves. Existem muitos pássaros entre os quais poderás escolher para o teu apartamento. O canário, o piriquito, o agaporni… são alguns dos pássaros que viverão perfeitamente seja qual for o tamanho da tua casa e também requerem poucos cuidados!

As suas gaiolas também não necessitam ser muito grandes, pelo que poderás colocá-la perfeitamente em qualquer buraco da tua casa, melhor ainda o sitio com mais luminosidade. Apenas deves mantê-la sempre limpa e incluir algum utensílio para que o teu pássaro realize algo de exercício.

 

Opção 6.  Cães. Se pensavas que por ter um piso não podias ter um cão, enganas-te. Existem muitas raças de cães que são de tamanho pequeno e que podem viver perfeitamente numa casa pequena. Aguns deles são, o pinscher miniatura, o chihuahua, o yorkshire e o bichon maltés. Mas aqui não acaba a lista: os cães menos ativos também são bons companheiros de apartamento. Os cãezinhos mais velhos ou aqueles que não gostem muito de exercício intenso podem adaptar-se à perfeição como o buldog. O mais importante é que o teu cão tenha assegurado a sua necessidade de se exercitar.

Se optaste por um cão, deves ter em conta que o espaço em que ele vai viver será reduzido, assim que compromete-te e passeia-o, pelo menos, duas a três vezes por dia, para se esticar, exercitar e até mesmo investigar. E mais, dedicar uns 90 minutos a passeá-lo é um hábito muito saudável para o nosso patudo e para ti. E sempre que possas, aproveita para jogares à bola com ele e para levá-lo a parques caninos para que se relacione com outros cães. O sorriso não te vai sair da cara!  

Lembra-te: para que o teu cão seja feliz num apartamento o único que precisa é ter as suas necessidades básicas preenchidas e muita atenção. Se não dispões de tempo livre suficiente, é aconselhável que atrases a adoção de um cão para um altura mais propícia.

 

Opção 7. Répteis. Os amantes de animais de estimação exóticos também ficarão felizes com a nossa lista de melhores animais para ter em casa, já que os lagartos pequenos podem ser bons companheiros para os inquilinos de apartamentos. Podes optar por o gecko leopardo, um lagarto fácil de manejar com um tamanho pequeno e um caráter amigável, ou um dos lagartos que estão mais na moda; o dragão barbudo. Isso sim, como sempre, procura cobrir as suas necessidades específicas: proporciona-lhe um lugar com a luz, a temperatura e a vetilação adequada à sua espécie, cuida da sua alimentação e segue sempre os conselhos do veterinário para o seu cuidado.

Além disso, deves saber que precisam de umas condições muito específicas no seu habitat o que pode significar um desembolso inicial maior. É que não serve qualquer terrário, alguns devem ser mais altos que largos, com muita vegetação (é o caso, por exemplo, de iguanas e boas), a outros basta-lhes pouca altura, mas precisam um amplo terreno (tartarugas e lagartos), no caso de espécies semiaquáticas, ao contrário, o ideal é incluir zonas com água à parte de zonas secas….

O uso de fontes de calor apropriadas para cada terrário também é muito importante já que a temperatura do animal deve permanecer entre os 25º-32º: mantas, cabos térmicos ou rochas aquecedoras são boas opções. Outro ponto importante é proporcionar-lhes luz no seu rango completo, tanto infravermelhos como ultravioleta, assim como a humidade perfeita para a sua espécie. E não te esqueças colocar esconderijos, eles adoram!

Como pudeste observar, são muitos os animais de estimação que podes ter embora vivas num apartamento, a escolha é tua! 😉

 

Seja qual for o teu animal de estimação, não te esqueças cuidá-lo como merece!

Sugerimos também

Deixa um comentário